Teste de Recuperabilidade de Atletas Profissionais: evidenciação nos clubes brasileiros de futebol da Série A

  • Christiane Maria Arantes Vieira Bragato Conselho Federal de Contabilidade
  • Marli Auxiliadora da Silva Conselho Federal de Contabilidade

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivo identificar a evidenciação da perda por redução ao valor recuperável nos clubes de futebol brasileiros da Série A de acordo com o requerido pela ITG 2003, discutindo também a materialidade dos valores divulgados de perda em relação ao Ativo Intangível ‘atletas’ e em relação ao ativo total. A pesquisa, que teve como amostra dez clubes de futebol que participaram do Campeonato Brasileiro de 2018, caracteriza-se como descritiva quanto ao objetivo; quanto aos procedimentos metodológicos, enquadra-se como documental; e, para a discussão do problema, utilizou-se abordagem quantitativa. Os resultados apontam que, no período de 2014 a 2018, quase a totalidade dos clubes, ou seja, oito deles evidenciaram a avaliação anual da possibilidade de recuperação econômicofinanceira do valor líquido contábil dos direitos contratuais de cada atleta em suas notas explicativas, explicando o procedimento adotado que é aderente ao normatizado pela ITG 2003 e recomendações do Pronunciamento Técnico CPC 01. No entanto, não foram divulgados valores monetários contabilizados como perda por redução ao valor recuperável, o que leva ao entendimento de que o ativo intangível ‘atletas’ não apresentou valor contábil superior ao valor recuperável no período em análise. Destaca-se, como exceção, a entidade desportiva Santos Futebol Clube, que reconheceu e evidenciou perdas por redução ao valor recuperável no exercício de 2015, cuja materialidade totaliza 12,35% e 6,53% em relação ao Ativo Intangível Atletas e Ativo Total, respectivamente.

Biografia do Autor

Christiane Maria Arantes Vieira Bragato, Conselho Federal de Contabilidade
Graduanda do curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Uberlândia-UFU, graduada em Licenciatura plena em Letras pelo Centro Universitário do Triangulo (Unitri), técnica em contabilidade.
Marli Auxiliadora da Silva, Conselho Federal de Contabilidade
Doutora em Educação (Faced/UFU). Mestre em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo (Fearp/USP) e graduada em Ciências Contábeis. Professora no programa de pós-graduação em Ciências Contábeis da Faculdade de Ciências Contábeis (Facic/UFU) e no curso de graduação em Ciências Contábeis na Universidade Federal de Uberlândia. Pesquisadora de temáticas relacionadas a gênero, formação acadêmica e ensino e pesquisa em Educação Contábil, além de outros temas diversos.
Publicado
2020-07-17
Como Citar
BRAGATO, Christiane Maria Arantes Vieira; DA SILVA, Marli Auxiliadora. Teste de Recuperabilidade de Atletas Profissionais: evidenciação nos clubes brasileiros de futebol da Série A. Revista Brasileira de Contabilidade, [S.l.], n. 243, p. 62-75, jul. 2020. ISSN 2526-8414. Disponível em: <http://rbc.cfc.org.br/index.php/rbc/article/view/1867>. Acesso em: 29 set. 2020. doi: https://doi.org/10.17648/rbc.v0i243.1867.

Artigos mais lidos do mesmo autor

Obs.: Este plugin requer ao menos um plugin ou relatório de estatísticas para funcionar. Se seus plugins de estatísticas trabalham com mais de uma métrica, por favor selecione uma métrica principal na página de configuração disponível no painel do Administrador e/ou do Gerente do portal.